sábado, 29 de junho de 2013

ARGILA VERDE

FOI UMA DAS PRIMEIRAS FORMAS DE MEDICINA NATURAL e as suas virtudes terapêuticas continuam a ser reconhecidas

A argila é uma mistura de vários minerais: caulinite, ilite e montemorilonite, resultando da metamorfose de rochas naturalmente ricas em sais minerais. É composta principalmente por silicatos de alumínio hidratados, no entanto, podem ainda encontrar-se nas argilas diversos oligoelementos como o titânio, magnésio, cobre, zinco, alumínio, cálcio, potássio, níquel, manganês, lítio, sódio e ferro. Os constituintes das argilas funcionam como potenciadores de determinados efeitos terapêuticos, conforme a sua concentração.

A utilização de argila foi uma das primeiras formas de medicina natural conhecida pelo homem, tendo sido usada pelas suas virtudes terapêuticas ao longo dos séculos. Numerosas civilizações (egípcia, grega, indiana e chinesa) beneficiaram das qualidades da argila quer para uso externo quer para uso interno. A estrutura molecular da argila confere-lhe um grande poder de absorção, tendo a capacidade de extrair toxinas e substâncias nocivas do organismo produzindo efeitos anti-sépticos e antimicrobianos. A elevada percentagem de sílica e alumínio explica as suas propriedades cicatrizantes e anti-inflamatórias. Uma das mais notáveis características da argila é a capacidade de atingir a área do corpo onde é mais necessária. Ao contrário dos produtos químicos que podem destruir indiscriminadamente tanto os tecidos saudáveis como os doentes e quer as bactérias benéficas quer as patogénicas, a argila é selectiva na procura dos micróbios patogênicos e dos tecidos lesados, permitindo um rápido restabelecimento da saúde.

Tal explica por que a argila é uma substância quase universal para o tratamento de doenças e um agente de desintoxicação e regeneração física.



Propriedades da argila

A composição mineralógica da argila propicia o desenvolvimento de reacções químicas com a água e com os sais nela dissolvidos. A sua estrutura molecular e a estrutura em camadas conferem-lhe propriedades de absorção, adsorção e libertação dos seus próprios constituintes.
A argila é capaz de absorver água e exsudados do meio onde se encontra, exercendo por isso efeitos benéficos sobre os edemas e as inflamações. A adsorção, por seu lado, é um fenómeno físico-químico pelo qual a argila retém impurezas e toxinas, substituindo-as por minerais.
Esta propriedade é a mais utilizada para uso interno. Além disto, a argila liberta os seus constituintes activos para os líquidos envolventes.

Por exemplo, o silicato de alumínio pode depositar-se obre a mucosa digestiva tendo um efeito protector. Quanto mais a argila tiver sido exposta ao Sol, ao ar e à água da chuva, mais aêtiva se torna porque ab60rve e armazena uma notável parte da energia dos outros elementos, sobretudo do Sol. No que concerne às suas propriedades terapêuticas, destacamos o grande poder de absorção que permite reter bactérias, toxinas e impurezas; a capacidade cicatrizante e anti-séptica graças ao silicato de alumínio que contém e ainda a capacidade estimulante e regeneradora dos tecidos.

Tipos de argila

As diferenças entre os tipos de argila dependem da sua composição em minerais, o que lhes confere diferentes cores, propriedades e aplicações.

Argila verde

É composta por montmoríllonite e ilite e deve a sua coloração à presença de óxido de ferro associado a outros oligoelementos (magnésio, cálcio, potássio, manganês, fósforo, zinco, alumínio, silício, cobre, selénio, cobalto e molibdénio). Pode ser tomada oralmente ou usada topicamente para um grande número de problemas. A ilite é um desintoxicante poderoso com uma enorme capacidade de absorção. Extrai as impurezas do organismo enquanto os minerais da argila são absorvidos selectivamente por este em função das suas necessidades para restabelecer a saúde. A argila verde é absorvente, antiedematosa, desintoxicante, remineralizante, revitalizante, regeneradora, anti-séptica, bactericida, cicatrizante e exfoliante. Elimina toxinas e impurezas e favorece a renovação celular. Permite o aporte à pele e ao organismo de minerais e oligoelementos. É recomendada para peles normais e oleosas por ser muito eficaz a absorver o excesso de sebo. Pode igualmente ser utilizada em máscara capilar para regular a produção de sebo em cabelos com tendência oleosa. Possui propriedades analgésicas
e anti-inflamatórias úteis no alívio de dores articulares e musculares, descongestionando as zonas afectadas. É benéfica na flatulência e outros problemas abdominais. Melhora ainda a circulação sanguínea periférica.


Benefícios e formas de aplicação da argila

Os tratamentos naturais pela argila são muito úteis nas afecções prolongadas ou recorrentes, porque constituem uma alternativa a tratamentos químicos e favorecem um processo de desintoxicação. É aconselhável que sejam acompanhados por uma melhoria dos hábitos alimentares e de higiene e por um aumento de ingestão de água.

Benefícios da argila a nível interno

A argila tem propriedades anti-sépticas e anti-inflamatórias e quando ingerida é muito útil no tratamento de patologias inflamatórias do tubo digestivo como a gastrite, a colite e outras inflamações da mucosa intestinal. Assim que é ingerida, a argila reveste a mucosa gastrointestinal, protegendo-a como um penso gástrico. Absorve os gases presentes no tubo digestivo e está ainda indicada nas diarreias agudas e crónicas porque absorve toxinas bacterianas no lúmen intestinal. O uso de argila está contra-indicado em casos de obstipação, hérnia, náuseas ou alimentação com muitas gorduras. Não se deve utilizar argila em conjunto com medicamentos alopáticos ou homeopáticos, pois a argila absorveria os princípios activos dos mesmos, anulando o seu efeito. O tratamento com argila não deve ultrapassar as três semanas.

O uso interno da argila pode ser feito de três formas:

• Colocar uma colher de café de argila, de granulometria fina, num copo de água pura (da nascente). Mexer e tomar lentamente, em pequenos goles. É especialmente indicado para problemas agudos.

• Beber água de argila. Dissolver uma colher de café de argila num copo de água e deixar assentar durante algumas horas. Beber depois o conteúdo do copo até chegar ao pó depositado no fundo. Tomar em jejum ou com um intervalo de duas horas das refeições.

• Colocar a argila directamente na boca e deixá-la dissolver lentamente. Este modo de aplicação fortalece as gengivas, fortifica o esmalte dos dentes e facilita a digestão.

Nota: não utilizar colheres metálicas.



Benefícios da argila a nível externo Cataplasmas e compressas

Nas aplicações externas, a argila realiza uma intensa drenagem, atraindo para si as substâncias prejudicais ao organismo através das suas propriedades absorventes, plásticas e térmicas. As compressas de argila verde têm propriedades cicatriz antes, remineralizantes, absorventes, purificantes e regeneradoras. Aliviam as dores musculares e articulares, queimaduras e irritações da pele. São ainda úteis no combate à celulite. A argila, quando aplicada em forma de compressa ou cataplasma no abdómen, refresca e descongestiona o sistema gastrointestinal, regularizando a temperatura interna do corpo. São recomendadas nos casos de inflamação interna, inflamação do aparelho digestivo, intoxicação por alimentos, febre alta, dores reumáticas, edemas pós-traumáticos, artralgias, entorses, lumbago, feridas, fracturas, contusões e picadas de insectos. Está contra-indicada em doenças inflamatórias agudas como a gota. Para aplicação, dispor uma pasta de argila sobre um tecido natural e repartir com uma espátula não metálica. Colocar a cataplasma em contacto directo com a pele excepto se esta estiver irritada. Nesse caso deve ser intercalada uma gaze entre a argila e a pele.

Banhos

O banho de argila melhora as perturbações devidas a má circulação periférica e permite o relaxamento em caso de insónia ou durante períodos de fadiga muscular. Juntar à água do banho uma a duas colheres de café de argila, previamente dissolvidas num copo de água.

Máscaras de beleza

As argilas têm grande aplicação em máscaras de beleza dado o conjunto de todas as suas propriedades, entre as quais, anti-inflamatórias e cicatriz antes, anti-sépticas e remineralizantes, purificantes e tonificantes, suavizantes e nutritivas, absorventes e regeneradoras, reequilibrantes e oxigenantes, descongestionantes e revitalizantes. As máscaras faciais de argila revitalizam e purificam a pele, através da micro-exfoliação, do estímulo da circulação sanguínea local e da eliminação de toxinas existentes nas estruturas da pele. A máscara de argila verde é purificante, remineralizante e anti-séptica e é o cuidado ideal para as peles mistas, oleosas e acneicas porque absorve o excesso de sebo e limpa em profundidade. A argila branca reequilibra as secreções seborreicas. A argila rosa confere luminosidade à tez e uma sensação relaxante. Em qualquer dos casos, aplicar uma pasta de argila em camada espessa sobre a face evitando o contorno dos olhos e dos lábios e deixar repousar sem deixar secar. Enxàguar com água morna e aplicar no fim um creme hidratante.

Alguns cuidados

Prepare a argila num recipiente de barro ou madeira, evitando o uso de objectos de metal, para não alterar a sua estrutura física.

Nunca se deve aplicar a mesma porção de argila mais do que uma vez.

Não se deve interromper bruscamente os tratamentos iniciados.

É normal, no início dos tratamentos, parecer ocorrer um agravamento dos sintomas. Tal deve-se à libertação das toxinas do organismo.

9 comentários:

  1. Bom dia.
    A argila utilizada para fazer chá e beber é a mesma argila utilizada nas mascaras?
    Qual a cor da argila mais indicada para problemas da má digestão e circulação sanguinia, (trombose).
    Obrigado.
    Aparecido Diniz da Silva. SP.

    ResponderExcluir
  2. Onde encontro argila para uso interno em Porto Alegre?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc pode comprar pelo site ou em farmacia de produtos homeopáticos

      Excluir
    2. Vc pode comprar pelo site ou em farmacia de produtos homeopáticos

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Meus pais tem artrose a argila verde é indicada?

      Excluir
  3. Tenho a argila verde ( máscara Argiliosa com oligoelementos) uso profissional , comprei pra usar no rosto , posso tomar ou tem alguma especifica somente para uso interno ?

    ResponderExcluir
  4. Ao comprar, vc pede a que é própria para uso interno.

    ResponderExcluir
  5. Durante quanto tempo se deve colocar a argila na barriga?

    ResponderExcluir